Como fugir das dívidas durante os feriados?

educacao-financeiral-outubro-2018

Até o fim deste ano, teremos mais 7 feriados prolongados. Ter um planejamento para poder curtir essas datas sem problemas é essencial, seja uma viagem curta, ou aproveitando na própria cidade. Veja algumas orientações para não se endividar e bom feriado!
Caso esteja pensando em fazer uma viagem, coloque no papel quais gastos pode ter antes, durante e depois. Com isso, o orçamento dos meses seguintes não fica comprometido, com algo que já passou. Além disso, faça uma pesquisa dos melhores preços, pacotes e condições de pagamento, nos locais que pretende visitar.
Outra orientação é, se possível, ter uma reserva financeira para possíveis imprevistos. Afinal, é normal que gastos além do planejado ocorram, já que ninguém está livre de imprevistos, sejam negativos, ou positivos.
Se perceber que a condição não está favorável, não faça loucuras. Durante o período de comemorações do fim de ano, os preços sobem em todos os lugares, principalmente nas passagens aéreas e rodoviárias, pousadas e supermercados. Avalie e tente fazer um passeio mais próximo, não gastando tanto com transporte, e preferindo destinos onde que tenha conhecidos, para garantir a estadia.
Considere também, conhecer as possibilidades de diversão, em sua cidade, que sejam baratas, ou até mesmo gratuitas. Visite parques, museus e pontos turísticos, ou até mesmo tire alguns dias para descansar, em casa, ouvindo música, assistindo filmes, ou propondo atividades lúdicas para as crianças.
Há excelentes alternativas para aproveitar o feriado prolongado sem se endividar, por isso comece a planejar o próximo com antecedência, assim poderá aproveitá-lo melhor, além de não comprometer as suas finanças.

Reinaldo Domingos é doutor em educação financeira, presidente da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin – www.abefin.org.br) e da DSOP Educação Financeira (www.dsop.com.br). Está a frente do canal Dinheiro à Vista e é autor do best-seller Terapia Financeira.